05 dezembro 2011

Retrospectiva 2011.


E mais um ano vai chegando ao fim, 2011 vai se despedindo e deixando um gostinho de quero mais. Quem diria que passaria tão rápido? Um ano que com certeza marcou muito. Um ano que começou com lágrimas, vai se encerrando com sorrisos. Eu não imaginava essa revira volta.

Logo nos primeiros dias do ano, já havia derramado muitas lagrimas. Foi um começo sofrido, mas hoje já me ergue e consigo falar tranquilamente sobre o assunto, não me envergonho, porque sem duvidas foi o que mais me fez amadurecer e crescer como pessoa. Um pouco revoltada, comecei o ano com as aventuras mais loucas possíveis.

Tentei resgatar o passado, e aprende que infelizmente não da para continuar uma historia tentando esquecer o inicio e inventar um novo. Insistir numa coisa que não deu certo, é quase que um ingresso para se auto torturar.

Esse ano aprende que não adianta fugir e procurar formas mágicas para resolver desamores que quando você menos espera, coisas boas acontecem. E que você só entende o porquê das coisas não darem certo, no final.

Muita coisa mudou esse ano, principalmente eu. Tornei-me uma pessoa melhor, e EU me orgulho disso. Algumas amizades mudaram, algumas para melhor e outras para pior. Novas pessoas me conquistaram e ganharam minha amizade, já outras pessoas provaram que não merecem nem se quer uma saudação minha, como um simples ‘olá’.

Esse ano eu descobri que tenho muitos fãs, que se preocupam demais com o meu bem estar e por isso inventam coisas para me manter famosa. Por isso muito obrigada por me divulgar que Deus possa abençoar todos vocês. – de coração, sem ironia - .

Aprende que eu ainda posso ser uma pessoa melhor, que por mais que me estragaram eu tive oportunidade de aprender a não machucar mais pessoas. Esse ano, sem duvidas, foi o ano em que aprende o que é realmente amar uma pessoa.

Passei por varias fases, momentos extremamente difíceis, mas também por momentos maravilhosos. E o mais incrível, que passei tudo de cabeça erguida.

Fico com um aperto no coração de saber que o ano esta acabando, porque a cada ano que passa as coisas muda, você perde, mas também ganha, o difícil é acostumar.

Encerro meu 2011, já com muitas saudades. Principalmente dos meus amigos que estão mudando seus caminhos, mas desejo do fundo do meu coração boa sorte a todos vocês, que possamos nos encontrar sempre, saiba que vocês que eu chamo de amigo são muito importante para mim e se eu errei ao decorrer do ano me desculpem, saibam que eu amo muito vocês.

Quero agradecer também, a você que mudou meu ano, Estive pensando esse tempo todo na forma mais singela de expressar meus sentimentos, e te dizer o quanto és importante pra mim. Não encontrei. As palavras já são pequenas demais comparadas ao amor que sinto por você, e eu não conseguiria te agradecer por toda a felicidade que me proporciona. Só quero que se lembre sempre, de que eu te amo..De todas as formas e jeitos possíveis.

Um brinde ao acaso, um brinde ao que deu certo, ao que não deu em nada. Um brinde ao caminho errado, a pessoa errada, um brinde a todas as merdas que eu fiz esse ano, um brinde as coisas que vão acontecer, um brinde a tudo que mudou e um último brinde a pessoa que está me fazendo feliz agora! Seja Bem vindo 2012, faça a gentileza de humilhar 2011.

Feliz Natal e Um Próspero Ano Novo a todos!

& se Deus quiser, ate o ano que vem. *-*

Por Calucka.

28 novembro 2011

Des(enterrando) des(amor).


Nunca imaginei que deixaria chegar ate aqui e que iria te escrever isso. Antes eu pensava que iria doer.. Mas hoje, fiquei me perguntando ''porque?'' É estranho e ao mesmo tempo tão bom ter um coração que não sente, depois de tudo ele se acostumou. Depois de alguns meses chegou a hora né? Chegou a hora de me despedir. As musicas românticas hoje tocam, mas não me atingem. Quantas vezes acordei na madrugada achando que tudo não havia passado de um pesadelo, e que você ainda estava comigo, quanta ilusão! Passei muito tempo evitando perfumes que me lembrassem o seu, cheguei a evitar a internet, tudo para me poupar das lagrimas. Meus amigos acostumaram com meu sorriso falso, não percebem mais a diferença. Quando vi você com outra doeu, mais do que imaginava.
O tempo passou e fui inventando historias para me confortar, aos poucos fui superando sua ausência com desculpas que eu mesma inventei. Quando tudo acabou de verdade eu não estava preparada, fui pega de surpresa mas, quem iria imaginar que nosso relacionamento tão saudável iria chegar ao fim? Sera que foi por causa do aniversário que não liguei? Ou as festas que não quis acompanha-lo ? Parei com esses pensamentos, cansei de tentar enxergar onde eu errei, afinal, EU NÃO ERREI!
Mas sabe? Hoje, eu consegui perceber o quanto eu sou especial, e o quanto fui capaz de te amar. Mas você não soube corresponder, por isso não me culpe! Hoje você tem o que merece, uma pessoa que você tenta acreditar que te ama, mas no fundo sabe que é mentira. Você não colaboro, eu tentei evitar mas não adiantou, a corda sempre se solta do lado mais fraco.
Seu sorriso me deu alegrias por muitas vezes , eu tive uma historia maravilhosa com você , e hoje não me arrependo de ter vivido e ter te encontrado no meio de tantas pessoas sem graça. Agora é tarde, lamento mais você morreu dentro de mim, e vou lamentar todas as vezes que alguém perguntar de nós ou me lembrar de você. Sabe percebo o quanto não lutei, eu não queria ter deixado você morrer, mais foi melhor assim... te esquecer.
Talvez um dia, a gente possa se encontrar como naquele dia, naquela hora, naquela praça no meio do nada . Mas se a vida te der, alguém melhor que eu, por favor sejas feliz! Seja sempre esse menino sem juízo, esse meninão com cabeça de 15 que ainda sonha em fugir de casa. Repito, desejo de verdade, que sejas muito feliz, porque eu to tentando ser. Pela primeira vez eu quero você no meu passado, não mais no meu presente/futuro. Quero olhar com saudade daqueles sábados na sua casa. Das nossas brigas idiotas, as noites de baralho, de te ver deitado na minha cama parecendo um lagarto, dos seus sorrisos e de nossas risadas. São momentos que não me doí mais lembrar, Por isso guardei todos nossos momentos em uma caixa que vou guardar para sempre.
Olha meninão, pra falar a verdade, eu mereço ser feliz de agora para frente. Você sabe que faz tempo que não era mais feliz depois que descobri tudo. Eu sei que agora esta difícil pra você, porque para mim também foi. Por favor não vamos nos iludir de novo, você ta feliz de alguma maneira com ela. E eu estou feliz do meu jeito. O nosso tempo acabou, eu não quero prolonga-lo, não mais. Eu sei que procurei você algumas vezes, e que você ainda não acredita que te esquece, ate eu não me convence, mas não tenho mais tempo. Desculpe estar te falando isso por cartas, mas é que fui covarde, me faltou coragem para olhar em seus olhos e dizer, porque apesar de tudo não queria te causar esse mesmo mal. Não quis te machucar como você fez, mas acabei fazendo. Olha meu príncipe, fique com ela, só não a deixe te machucar de novo. E bom, a ultima coisa que te peço é que não me procure mais, não quero mais, nem a sua amizade.

Carta escrita por Calucka.
em 2009.

04 novembro 2011

vazias.


E você olha para os lados, e só consegue enxergar pessoas vazias. Os seus sorrisos, são falsos. Suas palavras são vagas. Elas não têm essência. São como bolas de sabão, são lindas de se ver.. Mas são vazias. Elas não têm o que acrescentar. A sua felicidade, é passageira, termina pela manhã acompanhada por uma ressaca. Seus copos estão cheios, mas seus corações estão vazios. Eu vejo bares lotados, ruas lotadas… Avenidas decoradas por corações vazios.

Qualquer hora, indo para qualquer lugar, elas segue procurando algo para preencher o seu vazio, mas se quer conseguem perceber o quanto estão perdidas. Varias desculpas para justificar suas escolhas, péssimas, quando na verdade são calculistas e egoístas. Sabem muito bem o que fazem e o que escolhe porem, são covardes porque se fecham para o mundo. São apenas elas, trancadas, sem sentimento, sem emoção. Pior espécie, não se deve lamentar, porque pessoas se tornam e são assim porque querem.. Na verdade não existe vazio, tudo é questão de escolhas, de ponto de vista.

Pessoas vazias, é falta de fé. Falam demais, tratam o próximo com grosseria, prepotente, interrompe conversas, tentam demonstrar que são donos da verdade, forçam alegria e simpatia. Como diz um provérbio chinês, quanto mais vazia a carroça, mais barulho ela faz.

Eu vou passando pelas mesmas ruas, observo seus olhares amedrontados, mas continuo seguindo adiante. Enquanto elas permanecem perdidas e vazias. Eu vou seguindo, apesar de tudo ou por causa de tudo. Eu vou me mantendo firme, transbordando sentimento, lamentando por essas pessoas. E vou deixando-as para trás, eu poderia estar sentada com elas em qualquer beco, falando de alguém. Mas tenho princípios, tudo isso é perda de tempo, tenho meus objetivos. Mesmo sendo intensa mesmo se importando demais, sentindo demais, me fodendo demais, eu tenho a alegria de quando a noite cai, escutar algo bater, e sei que mesmo maltratado, meu coração ainda bate, e eu tenho a certeza que aqui dentro ainda tem vida.

por calucka,


31 outubro 2011

È-ter-na-mente.


Ja faz algum tempo que mudei, e acredito que pra melhor. Troquei as felicidades falsas, por uma mais real. Eu descobri em você a melhor parte de mim. Eu senti algo forte, desde a primeira vez que te vi. Coincidência ou não, mas parecia que era mesmo pra acontecer. Eu sempre procurei encontrar algo nas pessoas, que me fizesse sentir completa. Eu não encontrei, por isso meus relacionamentos não duraram.. porque nada mexeu comigo realmente, eram só momentos.

Das varias memórias que tenho, uma das que mais me marcou foi quando você disse que me amava e eu disse que não podia dizer o mesmo ainda. E passou uma semana, e eu fiquei angustiada, porque eu queria gritar.. e quando fez um mês que estávamos juntos eu olhei em seus olhos e disse que te amava, e ate hoje, foi as palavras mais verdadeiras que já disse. E aquele dia com certeza foi um dos mais importantes, embalados por nando reis.. eu cantei, estranho seria se eu não me apaixonasse por você.

Eu nunca senti tanto a falta de alguém, eu nunca me permiti gostar tanto de alguém, eu nunca senti tanto ciúmes de alguém nem medo de perder. Mas eu também nunca imaginei que pudesse ser recíproco, e imaginei que pudesse sentir segurança com você.

Porque eu sou completamente louca por você, e você pode perceber isso em meu olhar. Eu sei que hoje em dia é difícil acreditar que algo puro possa existir, por isso esse texto não é prova de nada, nem minhas palavras serão.. as verdadeiras provas estão em minhas atitudes.

Hoje eu digo que eu sei o que é realmente amar uma pessoa, porque não é só desejo não é só a idéia de estar apaixonada. Eu te amo porque eu quis, porque você me permitiu, e por que uma Força maior que nos facilitou.

Sei que as dificuldades estão por vim, mas pra mim são detalhes. Porque temos as mesmas chances de dar certo como temos a de dar errado. Não sei se nossos caminhos vão mudar, mas saiba que eu te amo. Que se isso acabar amanhã, ainda sim eu estarei contigo.. Afinal, estaremos sempre juntos mesmo que seja por pensamentos ou em nossos sonhos.

È uma situação delicada, é arriscado.. tenho ate medo de escrever, porque a vida nos ensina que nada é pra sempre. Por isso não me atrevo a dizer isso, mas uma coisa eu digo, que será e-ter-na-mente.

A lua nunca vai deixar que a gente se esqueça. Porque toda vez que olharmos pra ela, em algum lugar o outro também vai lembrar. Mas meu amor, eu estou te esperando na nossa casa, como todas as noites.. já preparei meu café, e o seu chá.. vamos sentar na balança e ver o céu, e depois ir dormir juntinhos no nosso quarto ta bom? Só por favor não esqueça, coloque o seu lobo pra dormir na varanda..

Não preciso que ninguém acredite nesse amor, porque nos dois acreditamos. E se for pra ser, vai ser. Mesmo que demore, o que tiver de ser será, e a gente vai se encontrar.


Porque se você segurar em minhas mãos, eu prometo não soltar...

Por, calucka.

24 outubro 2011

A Estrada.


Uma vontade inexplicável de chorar. Um vazio enorme dentro do peito, uma estrada coberta por neblina. Meu corpo treme, mas não é frio. Minhas pernas estão bambas presas no chão, não conseguem se mover. Meu batimento acelerado, como se algo estivesse sendo sufocado e querendo sair. Minhas mãos fechadas vão se contraindo para conter a tremedeira. A respiração descompassada vai aumentando a dor no peito. Uma vontade louca de gritar, mas gritar o que? Pra que? Olhos encharcados de lagrimas tento olhar para os lados, mas, é em vão. Não consigo voltar a trás, a estrada já desapareceu. Só me resta seguir enfrente. Minha cabeça dói, parece que vai explodir.. Pensamentos embaralhados, mais ainda ouço vozes. Questiono-me em como tudo foi se perder? O céu azul e ensolarado foi trocado por esse fechado e coberto por neblinas. Meus parceiros seguiram em outra direção. Não imaginei chegar aqui, sozinha. Talvez eu tenha tomado o caminho errado ou só saiu do planejado. Vou tentando me acalmar, tento controlar a respiração. Vou limpando as lagrimas, e a visão vai melhorando. Eu consigo enxergar a estrada e ela parece longa. Consigo perceber rostos novos, poucos ainda são conhecidos. Não quero mais gritar, cansei de me questionar sobre o que passou.. nada acontece por acaso, quem escolhe nossos caminhos somos nos.. não dar para lamentar sobre as pessoas que ficaram para trás nem se preocupar com as que seguiram outra rota. O foco agora tem quer ser eu mesma. Ainda estou me questionando se é seguro, mas ele me parece o certo, pois não quero sair da estrada. Ao dar meus primeiros passos, ainda insegura.. Sinto que o chão é firme, mas prefiro ainda ir devagar, sem pressa. Percebo então uma estrada que se cruza com a minha e uma pessoa começando a seguir na mesma direção e ela se destaca das demais. Vou me habituando, e nem percebo mais a neblina. Sinto então uma mão segurar a minha e a aperto forte enquanto sinto a forte conexão. Algumas pessoas estão em volta e isso me trás novamente a calma.

Talvez tenha mesmo chegado a hora de mudar a direção, foi difícil aceitar. Tenho que seguir, e vou ver ate onde vai dar. Preciso valorizar as novas companhias, e principalmente aquela mão. Talvez minha estrada mude de novo, talvez algumas pessoas se percam novamente.. E aquela mão mude a rota. Mas eu preciso aprender a seguir enfrente sempre, seguir todos os caminhos que me restam.. Porque eu sei, aqui dentro que isso vai me levar em algum lugar. Com fé e sabedoria, eu conseguirei chegar ao fim porque tenho certeza que no final tem algo maravilhoso esperando por mim. Mesmo que algumas tempestades venham, pedras me apareçam eu não irei fraquejar.. eu vou lutar. E você, que esta em alguma estrada, e não pode me ouvir.. lembre-se..não desanime, erga a cabeça e siga enfrente.. Porque no final, tudo vai dar certo.

por calucka.

29 agosto 2011

Ai já era


Eu queria te contar que não dói mais. Só que agora não importa tanto o que você vai pensar sobre isso.Queria que você soubesse que já vi nossos filmes milhares de vezes e nem chorei. Ok, chorei. Mas pelo filme, e não por você. Queria que você soubesse que tirei a poeira das nossas músicas, e que as ouço quase todos os dias. Porque elas me faziam mais falta do que você fez. Os nossos lugares não são mais nossos. Eu já voltei lá com outras pessoas, e escrevi lá outras histórias...Eu estou aprendendo a tocar violão. E a primeira música que toquei foi aquela música que era uma espécie de hino pra nós dois. Ela é tão linda...e sim, ela continua sendo muito nossa e lembrando demais você. Mas ainda sim, não dói.Você não pergunta essas coisas, mas sei que gostaria de saber. Porque te conheço. E isso não mudou.Do mesmo jeito que adivinhei as coisas ruins que você aprontaria, eu sei as coisas boas que ficaram aí em você e te fazem lembrar de mim.Porque a vida segue. Mas o que foi bonito fica com toda a força. Mesmo que a gente tente apagar com outras coisas bonitas ou leves, certos momentos nem o tempo apaga.E a gente lembra. E já não dói mais. Mas dá saudade. Uma saudade que faz os olhos brilharem por alguns segundos e um sorriso escapar volta e meia, quando a cabeça insiste em trazer a tona, o que o coração vive tentando deixar pra trás. (Caio F. Abreu)

05 agosto 2011

Como calor do fogo.


Já era pra ter passado, mas ele voltou; O frio. Eu adoro os arrepios que ele trás, mas prefiro os que você provoca em mim. Como fica mais gostoso tomar o meu café. Eu e minha caneca; Vou bebendo lentamente enquanto acompanho algum livro e vou me perdendo com meus pensamentos, como eu amo essas sensações. Tenho fugido da televisão, novela então nem pensar. Nunca gostei disso mesmo mas, a questão é que não tenho suportado ver casais felizes. Não estou revoltada com o amor, e não tem nada machucado aqui. Mas me dói ver isso tudo, e não ter você aqui comigo agora. Essa saudade ta aumentando a cada segundo, e não sei mais lidar com isso. Eu odeio essa sensação de não ter controle do que sinto, e você esta causando isso. Parece que estou vivendo aqueles clichês de frases prontas, ' você é o ar que respiro '. Mas não é, sem o ar não é possível viver e eu posso sim viver sem você.. mas eu não quero, porque já não tem mais graça. E tudo que eu queria agora era você, trocaria minha caneca de café por isso. E bom você me conhece meu amor, isso significa muito. Eu preciso ver você agora, eu quero me enrolar com você no meu edredom e sentir o seu beijo que tanto desejo e esquecer do frio no calor do seu corpo. Tenho tantas coisas pra te dizer, isso tem crescido tanto aqui dentro e eu nem sei expressar; já não sei mais falar nem escrever. Eu só preciso de você, entende? Para olhar no meus olhos, porque eu sei que eles fazem você sentir o mesmo. E bem, eu preciso saber se você também está sentindo. Estou te devendo alguns tapas, e também alguns mimos por não cuidar de você nos dias que ficou 'doente' ( puro drama). Só peço que não demore, e enquanto isso eu vou tomar mais alguns cafés curtindo essa saudade de você que só de fechar os olhos já te vejo. Anjo, É tão certo quanto calor do fogo, eu já não tenho escolha. Participo do seu jogo, não consigo dizer se é bom ou mal assim como o ar me parece vital onde quer que eu vá o que quer que eu faça, Sem você não tem graça!
Por calucka,

31 julho 2011

Preenchendo


“E eu que realmente achei que isso nunca aconteceria de novo, que acreditei friamente que a primeira burrada seria suficientemente dolorosa pra aprender. E eu, meu amor, que hesitei tanto em amar alguém novamente, e tô aqui amando amar o que essas pessoas chamam de amor. Logo eu, que recusei tanto a ideia de me entregar novamente, tô aqui nas tuas mãos. Vou culpar o amor. Acho que ele me fez gostar até dessas poesias melosas que ando lendo. Até essas músicas pra lá de românticas eu tô ouvindo, elas tem soado mais bonitas, tenho escutado um pouco sobre ti nelas."

João Amaral

16 julho 2011

Sera?


As vezes preciso de um tempo só para mim, para pensar na minha vida. Rodeada de pessoas sempre esqueço de mim, é mais facil lidar com os problemas dos outros do que com os propios afinal, é só lidar não tem que sentir. Muitos me adimiram por ser uma pessoa que busca superar as barreiras da vida e que acredita nas pessoas. Mal sabem que na verdade vivo um conflito interior, me questiono, eu choro, desacredito mas ignoro. Talves não seja a hora certa para lidar com isso, ou talves eu realmente seja covarde. Sou intensa, sinto demais, me preucupo demais, me fodo demais. Vou me erguendo a cada tombo, porque eu acredito que é assim que se cresce. Mas o medo me atormenta, sera que vai tudo realmente dar certo.. sera que um dia tudo vai mesmo passar, não consigo mais fingir que nada acontece eu não sei mais lidar com eles, tenho um monstro na minha frente e uma corrente que me prende; Esse monstro não quer me devorar, não quer me prejudicar mas as vezes ele perde o controle e me machuca; A corrente que me prende tenta me segurar, ela não quer que o mundo me machuque mas ela faz isso cada vez que tento me soltar; Eu tento concentrar minhas forças para usa-la de uma vez, mas já tentei tantas vezes que me questiono agora se realmente irei um dia conseguir sair dessa.

02/06/2011
por calucka,

11 julho 2011

Lá está


Lá está ela, mais uma vez. Não sei, não vou saber, não dá pra entender como ela não se cansa disso. Sabe que tudo acontece como um jogo, se é de azar ou de sorte, não dá pra prever. Ou melhor, até se pode prever, mas ela dispensa. Acredito que essa moça, no fundo gosta dessas coisas. De se apaixonar, de se jogar num rio onde ela não sabe se consegue nadar. Ela não desiste e leva bóias. E se ela se afogar, se recupera. Estranho e que ela já apanhou demais da vida. Essa moça tem relacionamentos estranhos, acho que ela está condicionada a ser uma pessoa substituta. E quem não é? A gente sempre acha que é especial na vida de alguém, mas o que te garante que você não está somente servindo pra tapar buracos, servindo de curativo pras feridas antigas? A moça…ela muito amou, ama, amará, e muito se machuca também. Porque amar também é isso, não? Dar o seu melhor pra curar outra pessoa de todos os golpes, até que ela fique bem e te deixe pra trás, fraco e sangrando. Daí você espera por alguém que venha te curar. Às vezes esse alguém aparece, outras vezes, não. E pra ela? Por quem ela espera? E assim, aos poucos, ela se esquece dos socos, pontapés, golpes baixos que a vida lhe deu, lhe dará. A moça – que não era Capitu, mas também têm olhos de ressaca – levanta e segue em frente. Não por ser forte, e sim pelo contrário… Por saber que é fraca o bastante para não conseguir ter ódio no seu coração, na sua alma, na sua essência. E ama, sabendo que vai chorar muitas vezes ainda. Afinal, foi chorando que ela, você e todos os outros, vieram ao mundo.

Caio Fernando de Abru.

21 junho 2011

gosto amargo


Um gosto amargo na boca, os olhos enchendo de lagrimas; você respira fundo e engole o choro. Seu peito vai queimando, uma vontade de gritar de se bater; de novo, de novo não! Oh droga, eu vou engasgando, minha garganta vai dando nós; eu preciso te falar, tenho que tentar te impedi; mas eu sou uma inútil não ha nada que ira te fazer parar; se pelo menos você soubesse que te amo; se eu pelo menos tivesse coragem de dizer. E agora vou te perdendo, mal consigo segurar minhas lagrimas quem dirá você?; Me enrolo no cobertor e pego mais uma caneca de café, e assim vou seguindo mais uma noite sem dormir, mas uma sem você; mais uma sessão de tortura. Eu vou te arrancar da minha cabeça com a mesma força com que você conseguiu entrar, eu vou te esquecer, não vou te procurar, nem te responder; "Oi como vai você?" você sorri e eu tremo " eu estou bem e você? - não estou bem, eu quero te matar seu idiota, ate quando você vai ficar nessa fingindo que nada esta acontecendo, eu gosto de ti imbecil ta difícil enchergar? E lá vou eu novamente me perder no seu charme, quando me dou conta já estou com aquela cara de idiota e tudo que tava me sufocando eu esqueço e você me faz sentir a melhor pessoa do mundo mesmo sem saber; mas é só você se despedir que eu caiu novamente no abismo porque eu sei que ira se encontrar com a outra e o ciumes me engole. Eu vou te parar a qualquer momento, mas não vou te dizer nada; porque você vai perceber; e meus lábios vão dizer nos seus o que me atormenta e depois não irei te escutar.. eu vou embora e deixarei contigo uma parte de mim e você; bom, pode seguir sua vida normal, mas sabendo da verdade. Quanto a mim, vou continuar pelas ruas onde você passa, nos seus lugares preferidos; e principalmente na sua cabeça.

calucka,

16 junho 2011

turbilhão


Como um turbilhão você entrou na minha vida e arrastou toda minha atenção pra você. Desajeito, sorrisos discretos, um olhar misterioso e um coração enorme. Eu só preciso de um tempo pra tentar te decifrar, você me deu as peças do seu quebra cabeça mas esqueceu de me ensinar a montar. Um mistério que eu quero desvendar, correr todos os riscos para tentar te conquistar. Quero entrar na sua mente, fazer você perder a razão e te deixar em meus braços. Preciso sentir o sabor de seus lábios, preciso dos seus abraços, daquele sorriso que você desperta em mim; Preciso de você ontem, hoje, amanhã e no infinito dos meus dias. Eu vou te roubar pra mim, e te levar pra conhecer o meu mundinho, dar a volta no mundo e mergulhar na sua historia para escrever um conto de fadas; que o final feliz seja nos dois. Eu não quero perder você, a melhor parte do meu dia; a melhor coisa que me aconteceu; uma chance, uma oportunidade é o que preciso pra tentar te mostrar que quero te fazer feliz; curar todas as magoas, fazer você esquecer o seu passada e construir não um futuro, mas fazer você viver o presente; Meu tempo é pouco, mas estou investindo e talvez eu já saiba que será impossível, mas minha fé é maior que tudo, eu acredito que possa conseguir mas por favor não demora perceber, vem logo me encontrar, antes que seja tarde demais; antes que o mundo acabe segure minha mão e deixa eu te mostrar que se for eu e você nada irar ter fim.

calucka,

14 junho 2011

incondicional.

Existem pessoas em nossas vidas, que realmente fazem diferença. Pessoas nas quais você busca apoio, que você pode confiar que você acredita que nunca ira te abandonar. Ou pelo menos, é o que você espera. Você que sempre fez tudo por essa pessoa, amou-a incondicionalmente, fez tudo para deixá-la feliz, para causar orgulho e jamais quis decepcioná-la. Mas o ser humano às vezes comete erros, alguns sem intenção.. Que você não escolheu, mas aconteceu. E então tudo de bom que você fez os momentos bons que você ofereceu a pessoa.. É tudo esquecido por aquele erro.

Estou longe da perfeição, mas eu fiz o possível para ser perfeita para você, mas bastou um vacilo e tudo se perdeu. Me culpei, Chorei desesperadamente.. me senti a pior pessoa do mundo por conseguir decepcionar todas as pessoas ao meu redor, vi meu chão desabar e nada me segurou.

Eu nunca consegui perdoar uma pessoa pelo mal que ela te fez, e sinto raiva por não ter conseguido te defender ou te ajudar na época, que inútil eu era. Mas eu prometi pra mim mesma que não deixaria aquilo se repetir. E por algum tempo temi acontecer de novo, mas dessa vez a culpa seria minha e eu sabia que jamais me perdoaria.

Hoje vejo que o problema não é meu, são escolhas.. Assim como faço as minhas, você faz a suas.. Você é responsável por tudo que acontece com você afinal, só você pode impedir que todos aqueles problemas voltem.

No final, acho que não sou eu quem decepcionei eu fui decepcionada, eu que esperei e acreditei demais na compreensão das pessoas e me desiludi. Mas isso não faz com que eu deixe de te amar, de te apoiar e estar contigo pra sempre, afinal o meu amor por você supera qualquer coisa.. E mesmo que me rejeite para sempre eu irei te amar também para sempre!

Não peço desculpas pelo meu jeito, mas peço que me desculpe por minhas palavras cuspidas, e quero que saiba que você é o amor da minha vida, e ele pertence a você porque ele é importante demais para pertencer a qualquer um que tenha entrado nela quando eu ja havia aprendido a falar e a lutar por mim mesma. Obrigado por estar comigo desde o começo.


calucka,

09 junho 2011

change


Mudei do doce para o amargo.
Do instante para o momento.
Das expectativas para a eternidade.
Eu mudei meu pensamento,
meu jeito, até meu cheiro.
Meu sorriso continua aqui,
mas a motivação dele, bom…
...Eu já não sei.


07 junho 2011

Dilema


Sou antipática com orgulho - só sorrio para quem provoca meu sorriso. Muito polêmica & crítica. Menina do coração mole, mulher que sempre teve os pés no chão e correu atrás do que queria. Nunca tive limites quando se tratava da minha felicidade, e assim irei continuar. Vou correr e lutar por meus sonhos mesmo que demore, mesmo que perca minhas forças.. eu usarei as forças da pessoa mais importante em minha vida, que é Deus. Sempre fiel aos meus ideais e ao meu Deus. Nunca deixei me influenciar por pessoas, decidida e consciente de que na vida a gente paga por nossas escolhas .De cabeça erguida, acordando e tentando de novo. Eu faço isso todos os dias. Não aprendi a desistir. Não aprendi a entregar os pontos. E se hoje não deu certo? Amanhã eu acordo e tento de novo. As pessoas não sabem como é para mim. Nunca souberam. Ninguém deveria julgar o que faço da minha vida. Ninguem esta no meu lugar, nem passou o que passei . As pessoas sempre apontam o dedo pra você quando na verdade são quatro dedos apontando pra elas o seus próprios erros que elas tentam esconder.

Perdi o foco, deixei de ser quem sou, fui levada pela carência e pela cabeça dos outros. Mas uma hora a ficha cai, não da pra fazer todo mundo feliz e ser infeliz. Não é egoísmo, são escolhas. Minhas escolhas, que terão consequências.. eu sei, mas que estou pronta para elas.Chegou a hora de me permitir ser feliz, dedicar ao meu futuro, e irei arriscar todas minhas fichas nesses ideais. Às vezes, você não tem escolha: Ou anda reto, ou anda pra frente. Mas na tua frente, tem um precipício. Eu não precisei me jogar do precipício. Mas precisei encarar que, quando eu virei pra trás, ninguém mais estava preocupado se eu ia cair ou não. Eu vou levando, eu estou vivendo e expulsei demonios, mudei o rumo e modifiquei o roteiro. Roteiro que eu escrevo, roteiro este que eu tenho a autonômia de reescrever quantas vezes julgar necessário. Porque da mesma forma que crio personagens, eu também destruo. Sabe se la o que me espera, estou decidida e eu realmente espero que no final eu pare e fale: “Valeu à pena chegar até aqui” se não acontecer direi ' Vamos tentar de novo"

Caroline is back! :)


por calucka,

29 maio 2011

coração palhaço


E desde a primeira vez que te vi, eu senti algo diferente. Estranho, depois de tudo algo conseguir dispertar meu interesse. Dizer que esquece o passado, estaria mentindo. Não esqueço! Digo apenas que ja não dói mais pensar em você. Não digo que me apaixonei de novo, estou encantada apenas. Fascinada com o seu sorriso, com seu rosto sem maldade e seu olhar cheio de malícia. Com o seu perfume, com seu jeito de chamar minha atenção. Logo agora que estava tudo dando certo, minha cabeça se mergulha em duvidas. Mas meu coração, aah.. como ele esta bem, batendo sem doer e acelerando toda vez que ele te vê, quando você chega minhas mãos tremem e essa sensação é incrível. Uma vontade louca de sair correndo e ir te abraçar, e nunca mais te soltar. Difícil admitir, mas eu gostei de você, desde a primeira vez. Sim, eu ainda me lembro. Me sinto uma menina de 10 anos, boba. Mas todos percebem a felicidade em meu olhar, o meu sorriso transbordando simpatia. Mas minha razão grita, CUIDADO! È errado, não é certo.. nunca vai dar certo, nunca vai acontecer. você não pode! Mas meu coração diz, TENTE! vai enfrente, não desista tão fácil do que te faz bem. Eu não consigo explicar o que to sentindo, é muita coisa, mas eu sei que to sentindo.. eu ainda posso sentir, mas isso ta me deixando assustada, todo dia dizer pra si mesmo ”Puta que pariu, não chora!”. Se sentir a pior pessoa do mundo, sabendo que vai estragar tudo de novo. Mas eu preciso fazer alguma coisa, não posso ficar assim. Tenho que fazer, tenho que me resolver. Essa confusão esta acabando comigo!


calucka

27 maio 2011

Efeitos




Vou começar a contar quantas vezes por dia, ainda paro e fico lembrando de momentos que minha mente insiste em eternizar. A gente era tão a gente sabe? E derrepente, puf! É como se tudo não passasse de um castelo de areia e vinhesse um vento forte e derrubasse. Acabou. Me culpo por não ter sido quem você esperava que eu fosse, mais poxa.. eu juro que tentei ser, melhor do que eu podia, dei minhas melhores ideias, dei meus melhores sorrisos, vesti minhas melhores fantasias, só pra te fazer feliz. Agora, eu fazendo esse tal flash-back vejo o quanto eu me aproximei, o quanto eu doei de mim, pra você.. o quanto eu fiz pra superar qualquer que fossem os meus limites. Abracei todas as causas, te abracei quando você nem ao menos queria um abraço. Insisti, quando você me mautratou, persistente que sou. Ganhei as vezes, um sorrisinho de canto de boca e com isso, eu já me sentia a mulher mais feliz do mundo.. mas no fundo, eu parecia apenas uma menina, que queria atenção, que queria um pouco de amor, você sabe o que é amor? Parece que não, quando foi pra mim. Muitas vezes, fico procurando motivos pra deixar você nas minhas lembranças, não vejo nenhum. Apenas aqueles motivos, aos quais eu quero mesmo esquecer, esquecer o quanto eu dei a mão pra você e você nem ao menos, segurou. Obrigada, por ter ferido meu coração, por ter deixado aqui marcar eternas, que doem todos os dias. Sabe porque obrigada? É que uma coisa que machuca desse jeito, faz a gente aprender, pra não repetir de novo, e se repetir? Ah, fala pro burro do meu coração, que ele precisa praticar o que você ensinou.

Estou tentando manter esse amor esquecido
luto as vezes pra me manter sempre distraído
pra não correr o perigo de te procurar.

Ficou em mim a chama e não apaga de uma vez
leva algum tempo, pode crer que não é só um mês
mas se já me esqueceu não te culpo e nem peço pra voltar.

É tão difícil dar adeus a um sentimento que não desencana
quero curtir a vida mas sempre depois de uma balada
o coração te chama.

É fato que acabou mas eu não te esqueci,
é fato que esqueceu mas ainda mora aqui
e parece que não vai sair tão fácil
desse coração palhaço.

17 maio 2011

Sober


Às vezes quando vejo partes suas, sinto vontade de voltar a ser aquela velha idiota de antes. Aconteceu agora, o seu sorriso de longe. Eu me lembro de quando você o fazia por me ver. Eu acreditava no que você dizia, mesmo fazendo sempre o oposto. O que eu sentia era puro, meu coração explodia toda vez que imagina que tudo aquilo era realidade. Você me provou o contrário, derrubou o castelo que eu construi sozinha. Nós iriamos morar nele, você fugiu de casa. E o pior, por mais que você tenha pisado em todos os sentimentos que te dei, você não consegiu acabar com tudo. Talvez tenha ficado com medo de sujar aquele seu tênis de marca idiota, ou nem isso saiba fazer. E o que você deixou inteiro, ou quase ainda existe dentro de mim. Não é o suficiente para tentar o impossivel (mudar você), mas é o suficiente para enlouquecer (estou escrevendo novamente sobre você, isso já é um sinal de loucura). Se você dissesse que não e sumisse, seria mais fácil. Mas não, você faz questão de mostrar que ainda existe. Que ainda sabe sorrir, e não precisa de mim para isso. Tenho certeza que hoje, não duraríamos nem um dia. Mas, meu coração não precisa de tudo isso. Talvez algumas horas, alguns minutos ou até mesmo alguns momentos. Só você, eu e o seu cheiro.Mesmo que depois você voltasse para ela, e fingisse que não me conhece mais.

02 maio 2011

duvida


Há algum tempo, coisa de 3 anos no máximo, minha vida era muito diferente. As minhas melhores amigas daquela época, hoje em dia são completas estranhas que passo reto. As coisas que eram meus medos e inseguranças, se tornaram parte do meu dia-a-dia. Pessoas que eu odiava, agora eu amo. As idéias e vontades daquela época, agora vejo o quão fúteis ou inúteis eram. Pessoas que eu nem imaginava existirem, apareceram para completar. Matérias que eu adorava, eu odeio. Notas 10, se tornaram 3,5. Os motivos dos choros, agora são motivos para riso. As velhas “paixõeszinhas” se tornaram ridículas. As musicas novas, agora são consideradas “fundo de baú”. O número do meu celular mudou, meu e-mail também. Antes pintar as unhas era só de cor clara. Chapinha no cabelo era um máximo. Dormir tarde era 00:00. Perder o bv significava muito. Eu não tinha miopia. Eu não usava aparelho dentário. Eu calçava 34. Sutiã 38 era ainda um pouco grande. Ir para escola era legal e férias mais ainda. Eu treinava andar de salto em casa, para não cair nas festas. Eu brigava com a minha mãe e jogava os maços de cigarro dela na privada e dava descarga. Pois é, cada coisa no seu tempo. Eu tinha tantas incertezas de duvidas de como seria agora, e é claro todas as previsões estavam erradas. Agora eu tenho tantas duvidas e incertezas como será daqui algum tempo, mas é claro, todas as previsões estarão erradas. E é assim que é a vida, imprevisível, difícil e divertida. As coisas tem que obrigatoriamente virar passado, se não nunca haverá presente. E o futuro? Não devemos pensar nisso

27 abril 2011

No bar da vida,


Todos os dias, mesmo lugar. Aquele bar ja parecia ser meu lar; No fundo onde havia pouca luz a musica era minha companhia, um ambiente gostoso o unico que ainda me confortava. Gravata froxa e a expressão cansada, não me cobravam muito no emprego mas realmente estava cansado.. da vida, das pessoas, cansado de mentiras, de amores mal resolvidos; A unica coisa que ainda gostava era meu whisky e meu masso de cigarro, não bebia muito..pelo menos não mais, essa fase havia passado onde eu achei que esqueceria tudo, mas unica coisa que consegui foi fortes ressacas; Hoje em dia, ja não fazia besteira, conformado com o fim e com a dor eu seguia minha vida, do meu jeito mas seguia. Um dia desses, sentado naquele bar eu vi você.. entrou lindamente pela porta, usando aquele vestido que eu adorava, aquele mesmo que esteve um dia no chão do meu quarto; apertei o copo de whisky do mesmo modo que meu peito estava sendo apertado enquanto via suas mãos segurando outra. As cançoes tocadas aquela noite foram as mais tristes de todas as noites e aquele whisky foi o mais amargo ja tomado e aquela dor sem duvida a mais insuportavel. Fui o ultimo a sair do bar para ter certeza que você não me veria, ao sair na rua peguei um cigarro e acendi; Um bipe, uma mensagem que dizia ' ja falei para parar de fumar' minhas pernas tremeram, me senti uma mulherzinha.Droga, você e seus joguinhos. Segurei para não atirar meu celular na rua, e dei mais um trago no meu cigarro deixando em seguida cair no chão. Precisava voltar para casa, amanhã era um novo dia..mesmo que se repetisse tudo de novo, era novo.. Por mais que a dor me consumisse, a raiva me dominasse, e a tristeza em saber que nada mais voltaria, uma coisas eu aprende da vida e era o que me mantia firme.. A vida, ELA TEM QUE CONTINUAR!

por calucka,

13 abril 2011

Nostalgia mode on


Eu tenho saudades de tudo que marcou a minha vida , quando vejo retratos, quando sinto cheiros, quando escuto uma voz, quando me lembro do passado, eu sinto saudades...Sinto saudades de amigos que nunca mais vi, de pessoas com quem não mais falei ou cruzei... Sinto saudades da minha infância, do meu primeiro amor, do meu segundo, do terceiro,do penúltimo, e daqueles que ainda vou vir a ter, Se Deus quiser... Sinto saudades do presente, que não aproveitei de todo, Lembrando do passado e apostando no futuro...Sinto saudades do futuro, que se idealizado, provavelmente não será do jeito que eu penso que vai ser...Sinto saudades de quem me deixou e de quem eu deixei, de quem disse que viria e nem apareceu, de quem apareceu correndo, sem tempo de me conhecer direito, de quem nunca vou ter a oportunidade de conhecer. Sinto saudades dos que se foram e de quem não me despedi direito. Daqueles que não tiveram como me dizer adeus, de gente que passou na calçada contrária da minha vida e que só enxerguei de vislumbre; De coisas que eu tive e de outras que não tive, mas quis muito ter; De coisas que nem sei como existiram, mas que se soubesse, de certo gostaria de experimentar; Quantas vezes tenho vontade de encontrar não sei o que, não sei aonde, para resgatar alguma coisa que nem sei o que é e nem onde perdi...Vejo o mundo girando e penso que poderia estar sentindo saudades em japonês, em russo, em italiano, em inglês, Mas que minha saudade, por eu ter nascido brasileira só fala português embora, lá no fundo, possa ser poliglota. Aliás, dizem que se costuma usar sempre a língua pátria, Espontaneamente, quando estamos desesperados, Para contar dinheiro, fazer amor e declarar sentimentos fortes. Seja lá em que lugar do mundo estejamos.Eu acredito que um simples "I miss you",Ou seja, lá como possamos traduzir saudade Em outra língua, nunca terá a mesma força e significado da nossa palavrinha. Talvez não exprima, corretamente, a imensa falta que sentimos de coisas ou pessoas queridas. E é por isso que eu tenho mais saudades...Porque encontrei uma palavra para usar todas as vezes que sinto este aperto no peito, meio nostálgico meio gostoso, Mas que funciona melhor do que um sinal vital. Quando se quer falar de vida e de sentimentos ela é a prova inequívoca de que somos sensíveis, De que amamos muito do que tivemos e lamentamos as coisas boas que perdemos ao longo da nossa existência... Sentir saudade é sinal de que se está vivo!

06 abril 2011

rabiscando guardanapo

Um não dito não transpareceu a curiosidade
Seguindo calmamente, destino trouxe.
o peito arrebentou de vontade
Tarde de mais, tive que esperar
A procura do saber, olhares trocados
Respiração acelerada e arrebentou
seus lábios me entorpeceram
sobrenatural, congelou na cabeça.
Da janela entrava a luz e o barulho dos carros
mas meus olhos só te enxergavam
A lua eu busquei, mas seu brilho foi maior.
por calucka,

29 março 2011

pra você,


Eu te amo. E não seria metade do que sou sem você, juro. É seu ódio profundo que me dá forças para continuar em frente, exatamente da minha maneira. Prometa que nunca vai deixar de me odiar ou não sei se a vida continuaria tendo sentido para mim. Eu vagaria pelas ruas insegura, sem saber o que fiz de tão errado. Se alguém como você não me odeia, é porque, no mínimo, não estou me expressando direito. Sei que você vive falando de mim por aí sempre que tem oportunidade, e esse tipo de propaganda boca a boca não tem preço. Ainda mais quando é enfática como a sua - todos ficam interessados em conhecer uma pessoa que é assim, tão o oposto de você. E convenhamos: não existe elogio maior do que ser odiado pelos odientos, pelos mais odiosos motivos. Então, ser execrada por você funciona como um desses exames médicos mais graves, em que "negativo" significa o melhor resultado possível. Olha, a minha gratidão não tem limites, pois sei que você poderia muito bem estar fazendo outras coisas em vez de me odiar - cuidando da sua própria vida, dedicando-se mais ao seu trabalho, estudando um pouco. Mas não: você prefere gastar seu precioso tempo me detestando. Não sei nem se sou merecedora de tamanha consideração. Bom, como você deve ter percebido, esta é uma carta de amor. E, já que toda boa carta de amor termina cheia de promessas, eis as minhas: Prometo nunca te decepcionar fazendo algo de que você goste. Ao contrário, estou caprichando para realizar coisas que deverão te deixar ainda mais nervoso comigo.

01 março 2011

Sem Comentarios


Hoje choveu, me lembrei da ultima chuva em que desenhei um coração no para brisa do carro com a letra do seu nome mas hoje foi diferente, única coisa que saiu foi um coração torto. Me lembro perfeitamente do começo, ainda acho que você me odiava. Nos falávamos poucos, eu desde o começo sempre falei as coisas na lata e por vezes acho que traumatizei você com as minhas verdades. Final de dois relacionamentos dolorosos pros dois, sempre falei que queria alguém como você e daria tudo pra ter conhecido você primeiro e acabamos nos aproximamos e me encantei com seu jeito, seu carater, tudo em você. Com você eu me tornava alguem melhor e era diferente das coisas que eu estava passando, com você não doía. As coisas aconteceram naturalmente, e um relacionamento começou. Eu no inicio estava saindo daquelas paixonites passageiras, final de ano e foi dificil superar aquilo mas com você fico tudo mais facil e aquilo tudo passou mas demorou, e por vezes eu te fiz mal, reconheço. A minha inseguraça e meu orgulho te afastou de mim, e quando me toquei era tarde demais. Me arrepende, mas todos erram e quando fui tentar concertar você não era mais o mesmo.

O que aconteceu com você? O que você se tornou? Esta claro que não é o mesmo, vai ver é só o lado que eu não tinha conhecido. Embriagada com as lembraças, me recordei do nosso primeiro beijo, dos nossos carinhos, de como você adorava me irritar, das vontades que eu tinha de dar na tua cara quando me fazia ciumes, de quando eu te acordava só pra desejar bom dia.

Não se trata mais de quem esta certo ou errado, eu optei por tirar da minha vida porque tudo que me faz sofrer eu afasto e se eu falei alguma coisa foi da boca pra fora, como disse eu ainda irei me afogar no meu orgulho ridiculo.

Quem é dono da verdade? alguem que não sabe lidar com minha sinceridade não tem moral para falar de verdade. sinceramente você conseguiu superar todos idiotas que passaram por minha vida, você conseguiu machucar mais que qualquer um com aquelas palavras e garanto que elas não te fizeram se sentir melhor. Eu poderia responder você da mesma forma, mas não vou pelo contrario é hora de mostrar que sou melhor que você, eu não quis pisar nos seu sentimentos no entanto eu quis o fim por isso. Eu tentei voltar uma vez, e não mandei ninguem falar com você para voltar ate porque não quero mais. A pessoa que você provou ser não é aquela que me vi apaixonar você mudou muito e ja não me faz tão bem. Eu sei que tive culpa tambem, mas eu fiz tudo que achei que podia mas não deu certo. Ta aí, se o que você queria era me ver chorar, então pode sorrir. Não quero me pagar de boa moça, nem de vitima só quero que essa infantilidade acabe se ta tudo bom pra você, se tem mais o que fazer então me esquece porque não quero ter que lembrar mais de você.

Boa sorte, calucka.

20 fevereiro 2011

lava a cara.


Sabe aquele cara que você não aguenta mais gostar dele? Que já fez de tudo para esquecê-lo, para deixa-lo ir de seu coração.. Aquele, que você já pediu a todos os Deuses que o tirassem da sua cabeça, mesmo por um breve segundo. Mas você não consegue. E então você se lembra de todas as apostas que já fez com suas amigas, dizendo que nunca mais ficaria com ele - e perdeu todas. É que você não aguenta, vê-lo passar, cheiroso, com o cabelo arrumado e aquele sorriso que te derrete todinha.. E quando ouve a voz dele então, suas pernas tremem, metamorfoses acontecem no seu estômago e, onde, antes não tinha nada, passa a ter borboletas voando silenciosamente. E você se rende aos encantos dele - mais uma vez. Mas você sabe, que no fundo, ele só vai brincar com você e seus sentimentos, como sempre fez. Um dia ele te liga, no outro finge que nem te conhece. E então você se pergunta o que fez de errado, para ele ter te "esquecido" assim, tão rápido. Breve ilusão. Desculpe-me a franqueza, cara amiga, mas ele não te esqueceu. Não te esqueceu porque nunca te amou. O que para você, significa tudo, para ele não passa de um passatempo numa simples balada. Porque para você, só existe ele. Mas para ele, é você e mais mil e uma outras garotas, todas ao mesmo tempo, se possível. Então, colega, levante-se da cadeira da mesinha do telefone, porque ele não vai te ligar. Trate de inibir seu olfato quando vê-lo para não se sentir novamente enfeitiçada por aquele perfume amadeirado, e se possível, nem olhe para ele. Porque no fundo, você sabe que pode esquecê-lo. Você só não quer.. Porque acha que, no intimo dele, ele te ama em silêncio. Mas essa é apenas uma possibilidade. Não se esqueça porem, que ele pode simplesmente não lembrar de você ao dormir e ao acordar, como você sempre faz com ele. Mas qual é, garota! Você é linda e tem consciência disso. Só precisa aproveitar essa beleza, para virar o jogo. Creia-me: apesar de sempre dizerem o contrário, você não tem noção do poder que nós, mulheres, exercemos sobre os homens. Então, lave essa cara, vista-se com seu melhor vestido e calce o seu sapato mais chique. E passe por ele. Então, será o seu perfume que o enfeitiçará, mas dessa vez, com uma diferença: ele não irá nem sequer ouvir a sua voz, nem vê-la olhar para ele. Porque, enquanto ele espera por um olhar seu, um pequeno olhar que seja, você já estará acompanhada, com um cara que sabe dar valor á garotas de verdade, com você. E ele, continuará com as outras mil. Mas agora tendo a consciência de que, nem mesmo todas elas juntas, chegariam aos seus pés.

18 fevereiro 2011

estar

Dúvidas como estar em algum lugar e não saber exatamente se era ali que se queria estar. Não saber se está apaixonado ou não. Ver que tudo em volta lhe aparenta uma ilusão. Pensar que em algum momento de sua vida fez algo de muito errado, para nada lhe dar certo - e não saber o que é - Não saber se é feliz de verdade - ou será que os outros são tão felizes quanto aparentam? - Querer saber onde estar, e ao chegar lá: saber. Se perguntar porque lhe machucam, e porque são as pessoas que você mais gosta. Querer sumir, mesmo não sabendo como e onde.

17 fevereiro 2011

regret.


Eu sinto muito. Sinto muito por ter me sentido assim, tão triste, tão sozinha, solitária. Por ter deixado escorrer pela minha face seca e sofrida, gotas que demonstram o que eu sinto na maioria das vezes, mas que oculto em um sorriso sarcástico. Sinto muito por ter me deixado levar por momentâneas demonstrações de carinho e afeto, que cresceram, mas, que certa hora, foram cortadas pelo troco, sem chance alguma de voltar a crescer novamente. Sinto por ter deixado que o pensamento alheio viesse a me fazer modificar algo no meu dia a dia, por ter deixado que os outros interviessem em meus relacionamentos, em minha vida, em meu ser. Agora só tenho a lamentar, lamentar.

14 fevereiro 2011

repercussão


Que repercussão meu ultimo post deu, não esperava tantos 'comentarios', o que gerou ate um certo incomodo principalmente ao perceber que ninguem entendeu minhas palavras, mas não culpo ninguem afinal nem eu percebi que havia uma ambiguidade e o texto acabou tomando um sentido que não era o desejado. Eu quero, eu posso e eu vou. e não é você, não é ate alguem. Minhas mudanças não se trata de uma pessoa, ou para alguem. Eu acho incrivel a facilidade que as pessoas tem para romantizar tudo, convenhamos em momento algum eu tive intenção de demonstrar sentimentos, ate porque não tem. Ao decorrer da vida a gente tem que melhorar, evolui e o que eu quis dizer anteriormente é que as pessoas evoluem, alguem esta evoluindo e eu tenho que ser melhor e o porque disso é pessoal, nada contra nem a favor. mas quando o assunto é aquilo, eu faço questão de superar. Fiz questão de esclarecer as coisas não pelo fato das pessoas falarem, ate porque isso não é algo que me incomode, mas porque não quero ninguem iludido ou se achando. A vida é boa demais para ficarmos preocupados com fofocas, com ex, com amigos falsos, com aquela pessoa que julgamos ser a pessoa de nossas vidas ou com as desilusões que sofremos. Esqueça os problemas bobos e viva a vida intensamente, aproveite todos os momentos e faça de sua presença especial. Afinal desilusão não mata, ensina a viver. Perdoar não é esquecer, é lembrar sem mágoas. Amigos de verdade são poucos e tudo na vida se supera. Com o tempo tudo se resolve. Vamo que vamo, há!

por calucka,

13 fevereiro 2011

eu posso, eu quero e eu VOU!


As noticias correm rapido, eu ja devia imaginar. Não demorou muito ate eu ficar sabendo, soltei aquele sorriso e não me exitei em comemorar mas não demorou tambem para meus pensamentos se embaralharem. Espera ai, o que esta acontecendo comigo ..eu não deveria me importar, que diferença faz agora ja é tarde de mais pra isso mas, ainda tem uma coisa que posso fazer. e eu irei, irei melhorar para não cometer o mesmo erro.Dizer que me arrependo estaria mentindo, foi o mais correto a fazer naquele momemento. Calma, não estou me lamentando por você ate porque jamais faria isso. A questão é que eu acordei e percebi que aqui dentro de mim ainda existe algo bom, e eu posso sim ser muito melhor. Eu posso, eu quero e eu VOU! Não importa quanto tempo você demore para enxergar a verdade, o que vale é que um dia foi capaz de perceber e aceita-la.Me sinto tranquila, claro.. com aquele gostinho de arrependimento na boca. afinal, você me marcou mas a vida é assim! Mas tambem estou feliz porque parece que as palavras estão voltando a minha mente, sinto vontade de escrever e aquela fase escura onde me faltaram palavras e eu me vi iludida e perdida com coisas inuteis se foram, me sinto mais eu.. mais forte, parece que consegue enxergar a luz no final do tunel, e agora me falta chegar ate la. Cabeça erguida, nas alturas agora só com meu melhor salto, daqui em diante as mudanças vão começar e dessa vez é porque eu quero..a ficha caiu, e eu sei muito bem o que eu quero agora e quem me conhece sabe que vou ate o fim pra conseguir! Demorou muito pra acontecer, mas aconteceu a minha hora é agora e quando a musica tocar e eu entrar eu quero ser aquela garota que ainda mexe com a sua cabeça. E que comece as mudanças!!
por, calucka