14 janeiro 2011

etei


A madrugada grita seu nome
o sol desperta meu pensamento
tudo me leva a você..
menos a minha razão.

busco seu olhar
mas só encontro saudade
em cada lugar uma lembrança.
me afogo com essa nostalgia.

Meu jeito ate disfarça
o que me denuncia são meus olhos
que se entregam ao te ver partir.
não faz sentido ser assim.

um perfume que me embriaga.
uma ressaca de lembrança
me perco em pensamento
e me desespero por ser o que sobrou.

Aperto no peito, respiração acelerada
o chão se desfazendo, mas eu me seguro.
tudo se ajeita, eu sei.
frustrações adolescentes um dia acaba.

11/01/2011

Um comentário:

Mel Almeida disse...

"...nessa vida, sempre, tudo passa!"♪

:)